ACOMPANHE-ME NAS REDES SOCIAIS

Manifesto: Lideranças petistas defendem manutenção de vaga no Senado

Manifesto: Lideranças petistas defendem manutenção de vaga no Senado

A coleta de assinaturas será feita em papel e na internet
Publicado no dia 24 de Maio de 2018
Image

Lideranças do Partido dos Trabalhadores do Ceará lançaram, na terça-feira (22/5), um manifesto em que defendem a manutenção da vaga do PT Ceará ao Senado Federal. A coleta de assinaturas para o Manifesto Pelo Futuro do País! Por Lula Presidente! E Pela Manutenção da Vaga do PT Ceará no Senado está sendo feita junto à militância, simpatizantes e apoiadores, mediante assinatura em papel ou por meio de petição eletrônica.

O manifesto afirma que todas as pesquisas de opinião para a presidência da República apontam a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva, apesar da grave perseguição jurídica e da mídia golpista que tenta impedi-lo de concorrer nas próximas eleições. O documento destaca que, diante de uma possível vitória do PT, será fundamental e imprescindível ter uma bancada forte no Senado e na Câmara dos Deputados.

O objetivo é ter força no Congresso Nacional para revogar as medidas regressivas adotadas pelo governo do presidente ilegítimo, Michel Temer, que prejudicam os trabalhadores e as parcelas mais pobres da população brasileira, além de atentar contra a soberania nacional. Com uma bancada forte na Câmara e no Senado, também será possível avançar na implementação do projeto de desenvolvimento, com inclusão social, desenvolvido ao longo dos 13 anos de governo do PT.

O objetivo dos coordenadores da campanha é apresentar o resultado da coleta de assinaturas no manifesto, dia oito de julho, durante o encontro de tática eleitoral que discutirá a política de alianças do PT para as próximas eleições.

Coordenação – O manifesto é coordenado por parlamentares e lideranças petistas no Estado. Estão na coordenação o senador José Pimentel; os deputados federais Luizianne Lins e José Airton Cirilo; o deputado estadual Elmano de Freitas; o vereador de Fortaleza, Guilherme Sampaio; Antônio Ibiapino (Tendência Revolucionária e Socialista), José Alberto (Resistência Socialista), Deodato Ramalho (Articulação de Esquerda), Paulo Assunção (OPTEI) e Eudes Baima (Trabalho).

Para assinar a petição eletrônica, acesse o link: http://www.peticaopublica.com.br/pview.aspx?pi=PTCEnoSenado. E depois compartilhe para que mais pessoas tomem conhecimento e se posicionem.

[VÍDEO] Saiba como assinar a petição online aqui 

VEJA TAMBÉM

18/06/2018

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin liberou para julgamento recurso protocolado pela defesa para ...

18/06/2018

Depois de identificar as leis 13.467 (de “reforma” trabalhista, “o momento mais triste da pauta”) e 13.429 (...