ACOMPANHE-ME NAS REDES SOCIAIS

Comissão aprova R$ 333,6 milhões para infraestrutura e mobilidade em Caucaia

Comissão aprova R$ 333,6 milhões para infraestrutura e mobilidade em Caucaia

O empréstimo pode ser aprovado no plenário do Senado ainda hoje
Publicado no dia 04 de Setembro de 2018
Image
Foto: 
Alessandro Dantas

A Comissão de Assuntos Econômicos aprovou, na manhã desta terça-feira (4/9), autorização para operação de crédito externo entre a prefeitura de Caucaia e a Corporação Andina de Fomento (CAF). O montante de até 80 milhões de dólares corresponde a 333,6 milhões de reais, pela cotação de hoje (um dólar equivalendo a R$ 4,17). 

A operação vai garantir o financiamento parcial do Programa de Infraestrutura Integrada daquele município da região metropolitana de Fortaleza. A contrapartida do município de Caucaia será de 20 milhões de dólares (83,4 milhões de reais na cotação de hoje).

Por solicitação do senador José Pimentel (PT-CE), os membros da CAE também aprovaram regime de urgência para a tramitação da proposta. Com isso, a matéria foi incluída na Ordem do Dia do Plenário e aprovada no mesmo dia.

O programa prevê intervenções socioambientais de mobilidade urbana, inclusão social e geração de emprego e renda. Entre os projetos estão a melhoria das vias urbanas; requalificação das rotas de ônibus; implantação de vias estruturantes; construção de viadutos, pontes e passagens de nível; urbanização de lagoas; além da instalação de um sistema de videomonitoramento e iluminação pública.

A expectativa é de que as obras sejam iniciadas ainda em 2018, tão logo os recursos sejam liberados pelo CAF e a prefeitura conclua os processos licitatórios que definirão as empresas responsáveis pela execução dos projetos. O prazo para implementação do programa é de cinco anos e o financiamento será pago em 16 anos.

VEJA TAMBÉM

20/11/2018

Estudos da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e da Universidade Federal de Viçosa (UFV) mostram que o...

20/11/2018

O senador José Pimentel (PT-CE) criticou, nesta terça-feira (20/11), em Brasília, as distorções e manipulações feitas com os dados sobre a despesa da Previdência Social para convencer a sociedade...