ACOMPANHE-ME NAS REDES SOCIAIS

Com 37 mil armas recolhidas, Campanha do Desamamento vai até final de 2012

Com 37 mil armas recolhidas, Campanha do Desamamento vai até final de 2012

Publicado no dia 28 de Dezembro de 2011
Image

O Ministério da Justiça e o Banco do Brasil assinaram, nesta terça-feira (27/12), a renovação da parceria para o pagamento das indenizações por armas recolhidas na Campanha Nacional do Desarmamento – Tire uma arma do futuro do Brasil. Com isso, os benefícios da mobilização deste ano permanecem até, pelo menos, o fim de 2012.

A campanha recolheu, nesta última semana, 36.834 armas e 150.965 munições. No total, foram pagos R$ 3,5 milhões em indenizações pelos armamentos. Os revólveres lideram a lista das espécies de armas entregues, com mais de 18 mil unidades. Pouco mais de 20% do total são de grande porte, entre eles 95 fuzis.

Na opinião do ministro da Justiça interino, Luiz Paulo Barreto, o número de armas de grande porte recolhidas se deve a uma das novidades da campanha deste ano – o anonimato para quem faz a entrega. Com a renovação para 2012, essa característica continua, assim como a agilidade no pagamento da indenização, que pode ser sacada após 24 horas e em até 30 dias, a ampliação da rede de recolhimento de armas e a inutilização imediata do artefato.

Adesão no País

Até agora, 24 estados e o Distrito Federal já aderiram à Campanha Nacional. Atualmente, já são 1.886 postos em todas as unidades da federação, localizados em batalhões das Polícias Militar, Civil e Federal, além das Guardas Municipais e Corpo de Bombeiros.

São Paulo (com 9.994), Rio Grande do Sul (com 4.599), Rio de Janeiro (com 3.918) e Minas Gerais (com 3.033) são os estados com maior número de entregas. A relação entre o número de entregas e o tamanho da população coloca em destaque a participação de locais com população menor, como é o caso do Acre e do Distrito federal.

Desde 2004, as mobilizações foram responsáveis por retirar de circulação cerca de 570 mil armas. A edição iniciada em 2008 foi responsável pela regularização de outras 500 mil.

Confira quais foram as armas de grande porte recolhidas da campanha e a tabela de entrega das armas em cada estado.

Fonte: Portal Brasil com informações do Ministério da Justiça